Em formação

As roupas: coisa de garotas!

As roupas: coisa de garotas!

Exceto pelos penteados femininos e penteados requintados (que exigem alguma habilidade), as mães têm menos problemas com as meninas, pelo menos quando se trata de vesti-las do jeito que gostamos. Quando chega a primavera e vemos trajes de meninas nas vitrines e lojas, nossos olhos vão atrás delas, imaginando nossas meninas com aquelas roupas lindas e coloridas.

Assim como acontece com as roupas das mães, as mulheres têm um repertório muito mais amplo para escolher e, a partir daí, acredito que nosso amor por fazer compras vem desde pequenas, principalmente quando nossa mãe não resiste em nos agradar um precioso "retalito". Tenho duas filhas, a mais velha de oito anos, ela não se sente muito atraída por roupas marcadamente femininas e se recusa a usar saias ou vestidos, sempre me diz que são incômodos e também que suas calcinhas são visíveis. Pelo contrário, a minha pequenina de 6 anos, muito mais folclórica, adora os vestidos mais brilhantes e mais coloridos, adora chapéus e lantejoulas, e está sempre disposta a enfeitar-se com joias, colares e outros acessórios.

Quaisquer que sejam os nossos gostos e os das “nossas bonecas”, sempre há roupas de que gostamos: calças de diferentes cortes e cores, T-shirts com motivos engraçados ou personagens conhecidos, vestidos em mil padrões e cores, saias, maiôs. .., Qualquer mãe que vai às compras percebe que as roupas das meninas são mais originais, mais variadas e versáteis que as dos meninos, as roupas das crianças repetem muito mais os tons de cores, os padrões, os motivos decorativos; eles são geralmente muito mais brandos e certamente menos divertidos e envolventes para as mães. Bastaria contar o número de visitantes na seção de meninos e na de meninas, para perceber que esse "trapo" é mais coisa de menina. Não é incomum que uma menina receba roupas com mais frequência em aniversários do que um menino. Este último, com certeza, ficaria desapontado com seu presente, a menos que seja decorado com algum super-herói, inseto perigoso ou carro esporte de último modelo. Estou pensando que quando minha filha ficar um pouco mais velha, será minha ruína, porque ela é muito miserável e eu a vejo tão fofa com tudo, que algum outro capricho ela sempre vai pegar. Quando se trata de roupas, e claro do ponto de vista geral, parece que os dois gêneros têm interesses diferentes. Parece, no entanto, que as coisas vão mudando aos poucos e também há muitas crianças paqueradoras, que têm muita clareza sobre seus gostos e que não se contentam com roupas convencionais ou com a primeira coisa que encontramos na loja. A oferta de roupas e acessórios infantis começa a ser algo mais atraente a cada estação, será que acabará se munindo de uma ampla oferta para meninas? Teremos que ver isso.Patro Gabaldon. Editor do nosso site

Você pode ler mais artigos semelhantes a As roupas: coisa de garotas!, na categoria Lazer no local.


Vídeo: Coisas Estranhas que as Meninas Fazem Quando Estão Apaixonadas! Especial Dia dos Namorados! (Outubro 2021).